A Opinião de Janísio Salomão

Caso Lexus: não exijam apenas sacrifícios ao povo senhores deputados!


Caso Lexus: não exijam apenas sacrifícios ao povo senhores deputados!

Janísio Salomão

Mestre em Administração de Empresas, Consultor Empresarial e Técnico Oficial de Contas

Parece que foi ontem, ficou certamente gravado nas nossas memórias, o Despacho n.º 3/17 de 25 de Abril, que oficializava em Diário da República a compra de viaturas topo de gama da marca Lexus 570, o último modelo ou grito, como é apelidado cá na banda. Fora criado o argumento justificativo de que os Deputados na Nova Legislatura (IV) necessitavam de “alguma dignidade”.
:
  

A mesma notícia foi alvo de mediatização, críticas e debates nas redes sociais e não só, sobretudo, pelo custo global das respectivas viaturas: 12.934.500.000 de kwanzas (cerca de 77 milhões de dólares), numa altura em que o país já se encontrava mergulhado numa profunda crise e os seus reflexos eram indubitavelmente visíveis em diversos sectores da nossa sociedade, com grande realce para o sector de saúde onde era claramente notória a ausência gritante de consumíveis e materiais gastáveis.

Ficamos perplexos, em época de crise, autorizar-se a compra de viaturas de luxo.

Na altura surgiram diversas opiniões de deputados das bancadas da oposição a contestarem fervorosamente tal medida, dizendo que "os deputados não necessitam de carros de luxo" ou que "existem carros mais baratos" entre outros pronunciamentos, inclusive alguns deputados pretendiam “invalidar o respectivo contrato de compra das viaturas”.

Parece que tais pronunciamentos voaram com o vento, pois, os pronunciamentos mais recentes são completamente contraditórios, quem ontem era contra, hoje está a favor.

Não se percebe, alguns parlamentares estão a reclamar que "as viaturas (Lexus) não têm nada de negativo". "Já estamos há mais de um mês a trabalhar sem viaturas", referem, numa fase em que foram cortados alguns benefícios tais como: subsídios de telecomunicações, combustíveis, bem como o pagamento de viagens, chegou-se à conclusão de que os recursos são parcos para se proceder à aquisição das respectivas viaturas.

Sejam mais coerentes senhores deputados, não precisamos de vos relembrar que o orçamento aprovado para a compra dos Lexus serve muito bem para comprar fármacos para muitos hospitais do país e construção de várias escolas.

Não precisamos de vos recordar, até porque não se encontram noutra órbita, que uma boa parte dos professores se encontram sem ordenados, escolas estão sem professores e muitos alunos fora do sistema por ausência de escolas.

A iniciativa deveria partir de vossa parte, em aprovar a aquisição de carros mais modestos, caso necessitem sugestões apresento uma:

  • Carro Toyota, vulgo chefe máquina. São mais económicos e daria muito bem para andar pelas 18 províncias do país, não precisa ser V8.

Se o país ainda sente os efeitos da crise e sacrifícios são solicitados à população, então os nossos representantes têm o dever de serem exemplares e abdicarem de direitos. Aí sim estarão a ser nossos verdadeiros representantes e não estarão a passar a mensagem de que o objectivo era ter assento no parlamento para obter os Lexus 570.

Abdiquem do Lexus 570 senhores deputados!

Mais Lidas