Ver Angola

Banca e Seguros

Banco Caixa Totta com nova designação após saída do Santander

O banco angolano Caixa Totta, que passou a ser controlado pela portuguesa Caixa Geral de Depósitos, vai passar a ter nova designação e imagem no primeiro trimestre de 2016, face à saída do grupo espanhol da estrutura accionista.

:

A informação foi prestada esta terça-feira pelo presidente da comissão executiva do Banco Caixa Geral Totta Angola, Fernando Marques Pereira, à margem da apresentação da 10.ª edição do estudo "Banca em Análise", da consultora Deloitte.

O Banco Santander Totta e a Santotta - Internacional SGPS anunciaram a 8 de Julho a venda da sua participação de 49 por cento no capital social da PartAng SGPS à Caixa Geral de Depósitos, passando o banco público a deter a totalidade do capital daquela sociedade.

Com esta operação, o banco público português "passa a deter 100 por cento do capital social da Partang SGPS a qual, por sua vez, detém uma participação de 51 por cento do capital social no Banco Caixa Geral Totta de Angola".

"O banco vai ter que deixar de ter a designação 'Totta', pelo facto da saída do banco Santander, que estava aliás prevista nos acordos [de 2009, entre sociedade PartAng e os dois bancos]. Estamos agora na fase de conversar com todos os accionistas para a denominação comercial do banco e para a marca. No primeiro trimestre de 2016 vão ter essas novidades", disse Fernando Marques Pereira, questionado pela Lusa.

Explicou que a instituição passará a designar-se de Banco Caixa Geral Angola, faltando definir a nova marca comercial. "Não quero antecipar neste momento, será uma surpresa", acrescentou Fernando Marques Pereira.

Além da holding PartAng (51 por cento), a estrutura accionista do banco é detida pela petrolífera estatal angolana Sonangol (25 por cento), e pelos empresários Jaime Freitas (12 por cento) e António Mosquito (12 por cento).

No estudo apresentado pela Deloitte, o Caixa Totta está agora em quarto lugar, em termos de lucros, no ranking dos bancos angolanos. Alcançou em 2014 o seu melhor resultado de sempre, de 9,1 mil milhões de kwanzas. No ranking nacional, é o nono maior banco angolano, entre 23 em funcionamento.

"É preciso ver que estamos a falar de 2014, onde tivemos um primeiro semestre bastante razoável. O petróleo em Junho ainda estava a 115 dólares o barril, só a partir de Junho é que assistimos a uma descida. Em termos da actividade bancária, 2014 foi um ano bom", reconheceu o administrador.

Se no ano passado o Caixa Totta registou "forte crescimento" do crédito, dos depósitos e nas comissões, associado à redução dos custos e a uma "gestão criteriosa da carteira de crédito", Fernando Marques Pereira admite efeitos da crise petrolífera nos resultados deste ano. "O ano de 2015 será outra história", apontou.