Ver Angola

Defesa

Vice-Presidente avança com acção judicial contra autores de calúnias

Bornito de Sousa, vice-Presidente da República decidiu avançar com uma acção judicial contra os autores das informações partilhadas nas redes sociais sobre o seu alegado envolvimento nas ocorrências do 27 de Maio de 1977.

:

Em comunicado, citado pela Angop, os Órgãos de Apoio do vice-Presidente fazem saber que Bornito de Sousa já avançou com uma acção judicial juntos das entidades competentes.

O vice-Presidente decidiu avançar com essa medida, "tendo em conta a gravidade das acusações, absolutamente falsas e infundadas, feitas por entidades cujos propósitos se revelam estranhos às regras de sã convivência, à boa-fé e ao espírito do processo em curso de união e de reconciliação".

O documento indica ainda que os responsáveis que difundem estas informações repetidamente e forma abusiva, sem demonstrar respeito pelas instituições e leis do país, já foram devidamente identificados.