A opinião de...

A juventude angolana e a cegueira na conquista dos bens materiais


A juventude angolana e a cegueira na conquista dos bens materiais

Nkanga Gomes

Nkanga Gomes é licenciado em Sociologia pela Universidade Agostinho Neto

Na sociedade contemporânea angolana e peculiarmente a luandense, ser jovem significa ter roupa de marcas, dinheiro, telemóvel topo de gama, veículo, habitação, cheirar bem, frequentar espaços inéditos, consumir bebidas alcoólicas, ter vários parceiros ou parceiras para fazer sexo, ter conta no Facebook, WhatsApp, Instagram, Viber Twitter e outras contas virtuais em distintas plataformas electrónicas e modernas, o jovem que não comunga estes princípios é visto como atrasado.
:
  

É legítimo os jovens almejarem ter bens materiais, desde que os mesmos sejam conquistados com mérito, trabalho, espírito de sacrifico e ética económica. É preocupante como os jovens estão cegos pelos bens materiais, matam, estupram, prostituem-se, drogam-se, vão aos curandeiros para ascenderem na vida, porque todos querem aparecer e dar show, até aqueles que não fazem parte da população economicamente activa.

Caro jovem luandense, sei que estás lendo este texto neste momento, saiba que a juventude é a etapa mais bela de um ser humano e também mais turbulenta, por estar numa fase de transformação física, psicológica, social, cultural, política, económica, eclesiástica e acima de tudo a procura de uma identidade própria para se conhecer a si mesmo, razão pela qual ela deve ser vivida com responsabilidade, auto-disciplina, respeito e com temor a Deus.

Jovem que está na moda não é aquele que vai todos os dias à noite, transa com milhares de mulheres e homens, põe relógio caro, sandália cara, bebe a cerveja mais cara, mas sim aquele que é disciplinado, educado, estudioso, trabalhador, íntegro, honesto, paciente, afável, carinhoso com seu próximo, respeita a família, respeita as Leis de seu país, exige que seu Governo respeite seus Direitos, sabe cultura geral, aprende uma profissão, pensa no seu futuro e constrói hoje. 

Jovem luandense!! começa a construir o teu futuro hoje, porque a juventude acaba e atingirás a vida adulta, na qual terás uma esposa, um filho, estes terão de ser sustentados, para tal tens de ter um emprego, sem o mesmo não conseguirás alimentar condignamente a família feita por si.

Não tenha vergonha da tua condição financeira, da roupa que vestes, da casa em que vives, da comida que comes, do teu nível de escolaridade, da tua profissão, pois saiba que todas pessoas que tens visto na sociedade com uma boa vida aparentemente, vestiam-se mal, viviam em casa pior do que vives agora, não tinham telemóvel, dormiam no luando, andavam a pé, de autocarro, por vezes não jantavam, mas venceram na vida porque estudaram, investiram na formação académica e técnica, foram pessoas perseverantes, guerreiros, pessoas com fé, pessoas com moral elevada, pessoas que acreditaram no futuro, pessoas disciplinadas mas inconformados com a realidade que viviam, mas não roubavam, não matavam, não se prostituíam e nem cobiçavam as coisas dos outros, mas sim dedicavam-se ao trabalho e acreditavam que o amanhã seria melhor.  

Mais Lidas