Ver Angola

Energia

Lucapa vai começar a produzir energia solar

Daqui a cerca de meio ano, o município de Lucapa, na província da Lunda Norte, poderá começar a produzir energia solar, com a instalação de uma central fotovoltaica, capaz de produzir 7,6 megawatts de energia.

:

João de Oliveira, director da portuguesa MCA, a construtora responsável pela empreitada, informou que neste momento estão a ser concretizados os trabalhos de limpeza do sítio onde vai ser erguida a central, sendo que as obras deverão arrancar nos próximos tempos.

Citado pela Angop, o responsável adiantou que o projecto vai ser reforçado com uma central de oito megawatts, que irá favorecer a sede municipal Lucapa bem como os moradores de Camissombo e Calonda.

Aquele município, que conta com cerca de 150 mil residentes divididos pelas comuncas de Xá-cassau, Camissombo, Capaia e Lucapa, não tem acesso à energia da rede pública.

Por essa razão, os habitantes recorrem a geradores particulares ou de empresários, que pedem até 30 mil kwanzas por mês, escreve a Angop.

Com a implementação da central fotovoltaica, orçada em 19,7 milhões de euros que foram assegurados através da Agência de Promoção de Exportações da Suécia (SEK), o município de Lucapa vai passar a ter acesso a 15,6 megawatts de electricidade.

Esta central faz parte de um plano de produção de energia limpa até ao final do próximo ano, através de fontes de energia renovável. Na mesma linha de financiamento, além de Lucapa, vão ainda ser erguidas outras seis centrais de energia solar, distribuídas pelas províncias de Benguela, Huambo, Bié, Moxico e Lunda Sul.

Estima-se que este mega-projecto beneficie cerca de dois milhões de cidadãos, através da produção de 370 megawatts de energia.

Relacionado