Ver Angola

Turismo

Projecto cria pacote turístico para os que querem fazer turismo mesmo “com pouco dinheiro no bolso”

O projecto Kudijimbi criou um pacote turístico dedicado àqueles que querem fazer turismo mesmo “com pouco dinheiro no bolso”. Por 9500 kwanzas, os angolanos podem visitar lugares históricos da capital, através de visitas guiadas.

:

De acordo com o Expansão, apenas quatro em cada 10 angolanos fazem turismo no país. Os promotores deste projecto visam assim contrariar os números e ajudar os cidadãos que querem tirar o dia para serem turistas, mas que têm poucos recursos financeiros.

De acordo com Allicia dos Santos, mentora da iniciativa, em declarações ao Expansão, a criação do roteiro com preços acessíveis pretende estabelecer que "turismo por ser feito com pouco dinheiro no bolso".

Os participantes no roteiro terão a oportunidade de visitar alguns locais históricos da capital. Na lista constam a rua dos Mercadores, Major Kayangulo, Missão, Sai de Mingas, e os museus da História Natural, Antropologia e das Forças Armadas.

A iniciativa arrancou este mês, sendo que os bilhetes custam 9500 kwanzas, e de acordo com a mentora da iniciativa, "durante a visita, os turistas têm o direito ao consumo de água, banana assada com jinguba e a fazer fotos durante o percurso".

Recentemente, a responsável afirmou que o país tem "potencial turístico, mas não é ainda um destino turístico, pelo facto de ainda ter défice de infra-estruturas de apoio ao sector turístico, registar falta de equipamentos auxiliares para hotelaria" e de apresentar "deficiência em segurança e saúde pública", tornando-se pouco atractivo para os estrangeiros.

De acordo com o Expansão, a responsável falava durante uma formação destinada a jovens sobre o turismo cultural no país, tendo aproveitado para solicitar às autoridades para que se envolvam na criação de infra-estruturas de apoio ao sector e no desenvolvimento de actividades que estimulem os angolanos a explorarem as potencialidades turísticas do país.