Ver Angola

Economia

Angola passa a país de renda média no próximo ano

É já a partir de Fevereiro do próximo ano que Angola vai passar a fazer parte dos Países de Renda Média (PRM), deixando assim a lista dos Países Menos Avançados (PMA). A revelação foi feita por Sérgio dos Santos, ministro da Economia e Planeamento.

:

O governante afirmou, citado pela Angop, que na Assembleia Geral das Nações de 2015, Angola apresentou uma estratégia a implementar para fazer a mudança. Essa estratégia incluía o crescimento e a sustentabilidade das famílias, disse, explicando que os programas impostos pelo país para ajudar as famílias têm sido muito bem-sucedidos.

O titular da pasta da Economia e Planeamento, que falava durante o lançamento da Plataforma Nacional dos Objectivos de Desenvolvimento Sustentável, revelou que a estratégia aplicada está a corresponder a todos os requisitos impostos pela Organização das Nações Unidas (ONU) sobre a Agenda 2030 – adoptada pela Assembleia Geral da ONU em Setembro de 2015.

Esta agenda é composta por 17 objectivos de desenvolvimento sustentável e 169 metas que devem ser impostas por todos os estados membros da ONU. Esses objectivos visam alterar o desenvolvimento sustentável a nível económico, social e ambiental, promovendo os direitos humanos e combatendo as desigualdades.

Sérgio dos Santos considera agora que o apoio das Nações Unidas foi fundamental para que o país passe a fazer parte dos PRM.

Já Paolo Balladelli, coordenador residente do Sistema das Organizações das Nações Unidas, afirmou que Angola terá de trabalhar em conjunto com os seus parceiros para continuar a transformar o país.