Ver Angola

Defesa

Huíla: polícia detém dois homens que planeavam a morte de irmão

Dois homens, de 24 e 60 anos foram detidos, na província da Huíla, quando negociavam a morte do irmão, de 52 anos, por 200 mil kwanzas, num contexto de crença em feitiçarias e disputa de terras.

:

Segundo o porta-voz da Polícia Nacional na Huíla, Luíz Zilungo, a crença no feiticismo e disputa de terras levou os dois homens a planear a morte do irmão, que descobriu a intenção e os denunciou à polícia.

Luís Zilungo, citado pela Angop, referiu que o caso ocorreu no sector do Malipi, a 30 quilómetros da sede municipal de Quipungo, onde os suspeitos negociavam o montante a ser pago aos supostos assassinos.

"Em interrogatório, eles (mentores) confessaram que fizeram o pagamento da primeira prestação de 50 mil kwanzas e, após a consumação do crime, entregariam os restantes 150 mil kwanzas, mas a vítima descobriu e denunciou-os, tendo sido presos", explicou.

A crença em feitiçaria e a disputa por heranças são comuns na Huíla, com maior frequência nos municípios de Quipungo, Chibia, Gambos e Quilengues, sendo indicador os 17 homicídios registados nos últimos dois anos, por situações do género.