Ver Angola

Saúde

Covid-19: há 48 horas sem novos casos, Angola recebe mais material da China

A luta contra a covid-19 continua, apesar de que a infecção parece ter dado tréguas ao país nas últimas 48 horas. Sem novo registo de casos positivos na Segunda e Terça-feira, os números de Angola mantêm-se assim nos 86 casos confirmados da doença.

:

O quadro epidemiológico nacional permanece inalterado, sendo que a estatística aponta 86 casos confirmados, dos quais quatro óbitos, 18 recuperados e 64 casos activos. Um paciente continua a necessitar de cuidados médicos especiais.

De acordo com Franco Mufinda, secretário de Estado para a Saúde Pública, estão a ser seguidos 456 casos suspeitos pelas autoridades sanitárias, sendo que existem 1160 cidadãos em investigação. Em quarentena institucional encontram-se 1057 pessoas.

Na sequência do combate à pandemia, o país recebeu mais 22 toneladas de meios de biossegurança e hospitalares, ainda parte das 380 toneladas de material adquiridas pelo Governo à China.

O secretário de Estado para a Área Hospitalar, Leonardo Inocêncio, explicou que do lote recebido esta Terça-feira constam “maioritariamente camas tripartidas e materiais hospitalares, aliados a diversos meios de biossegurança, como luvas, máscaras, viseiras, entre outros. Chegaram também 35 ventiladores invasivos, numa doação do Banco Negócio Internacional (BNI)”.

O responsável explicou, citado pela Angop, que os novos ventiladores vêm reforçar a capacidade de ventilação no país, na eventualidade de existirem pacientes que necessitem de apoio respiratório.

Todo o material será distribuído pelas 18 províncias do país.

Relacionado