Ver Angola

Energia

Presidente da República exonera e substitui administrações do sector eléctrico

O Presidente da República, João Lourenço, exonerou e nomeou novos conselhos de administração para as empresas públicas de produção e distribuição de electricidade, segundo uma nota da Casa Civil da presidência.

:

Apoiando-se na Lei de Bases do Sector Empresarial Público e por conveniência de serviço, João Lourenço decidiu exonerar o presidente do Conselho de Administração da Empresa Pública de Produção de Electricidade (Prodel), José António Neto, e outros seis administradores.

O chefe de Estado exonerou também a presidente do Conselho de Administração da Empresa Nacional de Distribuição de Eletricidade (ENDE), Ruth do Nascimento Cardoso de Almeida Safeca, e mais seis administradores da eléctrica angolana, com cargos executivos e não executivos.

Para integrar o Conselho de Administração da Prodel, o chefe do Governo nomeou Joaquim Ventura (presidente), Pedro Eduardo Manuel Afonso, Euclides Morais de Brito, Benício Pedro Machado, Rosa Afonso Miguel (administradores executivos), Francisco de Maria de Meireles Vasconcelos Júnior e Emanuela Bernardett Afonso Vieira Lopes (não executivos).

Para presidente do Conselho de Administração da ENDE foi nomeado o anterior administrador executivo da eléctrica, Hélder de Jesus Garcia Adão.

Serão administradores executivos da ENDE João de Deus Pereira Furtado, Pedro Estêvão Buca, Manuel de Jesus Neto Adão, Isabel Augusto dos Santos, enquanto para administradores não executivos foram designados Mário Alberto Mendonça da Silva e João Simão Manuel da Silva.

Também por conveniência de serviço público, o titular do poder executivo exonerou Ângelo Sebastião Filipe, de administrador executivo da Empresa Pública de Águas – EPAL, nomeando para o cargo Venceslau Txindji Chissupa.