Mais de 1700 cidadãos estrangeiros expulsos de Angola na última semana

O Serviço de Migração e Estrangeiros (SME) de Angola expulsou, na última semana, 1769 cidadãos estrangeiros por “decisão judicial e administrativa”, e deteve 1247 pessoas por “permanência e auxílio à imigração ilegal”, anunciou fonte oficial.
:
  

Segundo o relatório semanal de ocorrências do SME referente ao período de 27 de Fevereiro a 6 de Março, enviado à Lusa, no referido período foram igualmente notificados e “convidados a abandonar” o país oito cidadãos estrangeiros por “permanência ilegal”.

O relatório adianta que durante a última semana foram “recusados” a entrar no país e “consequentemente reembarcados” 13 cidadãos estrangeiros, a maioria por falta de documentos de viagem.

As autoridades angolanas dão conta também que foram impedidos de sair de Angola 15 cidadãos nacionais, nomeadamente por falta de meios de subsistência, interdição de saída, falta de cartão internacional de vacinas, entre outras razões.

Quanto ao movimento migratório, o SME registou a entrada de 22.559 passageiros de diversas nacionalidades, destes 8533 nacionais e os restantes estrangeiros e a saída de 33.431 passageiros, dos quais 15.813 nacionais.

Mais Lidas