Ver Angola

Comércio

Trigo e carnes entre as mercadorias mais importadas no primeiro trimestre de 2021

A lista de mercadorias mais importadas, nos primeiros três meses deste ano, é liderada pelo trigo, seguido pelas carnes. De acordo com um boletim estatístico da Agência Reguladora de Certificação de Carga e Logística de Angola, no primeiro trimestre de 2021, foram movimentadas mais de um milhão de toneladas de mercadorias.

:

De acordo com um boletim, citado pelo Jornal de Angola, entre os dez produtos mais importados, constam o trigo e mistura de trigo com centeio, com 10 por cento, as carnes e miudezas frescas de aves bem como contentores de transporte de fluídos e carne de porco, com cinco por cento.

Da lista também fazem parte o milho, granito e outras pedras, com três por cento, e o arroz, açúcar e adubos, com dois por cento.

No mesmo período, a Nile & Victória General Trading Lda foram as companhias que registaram o maior volume de cargas certificadas para importação, com mais de 205 milhões de toneladas. Destaque ainda para a Carrinho Empreendimentos SA, a Moagens de Angola, Falco e Baker Petrolite.

Estas empresas, de acordo com o boletim, foram responsáveis por mais de 30 por cento da carga certificada para a importação.

Recorreu-se mais ao mercado chinês para importar, representando cerca de 14 por cento da mercadoria para importação. Realçe ainda para o mercado do Brasil, Portugal e França (cinco por cento), escreve o Jornal de Angola.

Já as exportações foram lideradas pela Turquia, com 9200 toneladas. Portugal surge em segundo lugar (5000 toneladas), seguido pela China (3000 toneladas).