Ver Angola

Energia

Sonangol, ENDE e RNT apostam nas energias renováveis e investem mais de 40 milhões em projecto

Um total de 42 milhões de dólares é quanto a Sonangol, a Empresa Nacional de Distribuição de Electricidade (ENDE) e a Rede Nacional de Transporte de Electricidade (RNT) vão investir num projecto de energias renováveis.

:

Resultado da rubrica de um contrato celebrado entre as três empresas públicas, o investimento diz respeito ao Projecto da Central Fotovoltaica de Caraculo, no Namibe.

João Baptista Borges, ministro da Energia e Águas, considerou que o projecto vai possibilitar o escoamento da sua produção para as províncias da Huíla, Namibe e de seguida para o resto do país.

Citado numa nota disponibilizada no Facebook do Ministério da Energia e Águas, o governante adiantou que "a construção deste importante projecto" vai trazer "passos significativos para a transição energética com a redução de custos com a produção de energia tornando-a mais acessível para todos".

Por sua vez, Diamantino Azevedo, ministro dos Recurso Minerais, Petróleo e Gás, afirmou que a rubrica deste acordo "constitui premissas para efectivar o contrato de aquisição de energia dando assim, aos promotores de investimento a garantia de pagamento de energia produzida que será injectada na rede eléctrica pública".

O ministro aproveitou ainda para recordar que "com a assinatura do contrato, o projecto de fotovoltaica terá uma capacidade de ligação de 50 megawatts, sendo a primeira fase 25 megawatts, com início da sua construção em Dezembro deste ano, e a sua conclusão no quarto semestre de 2022".