Ver Angola

Comércio

Biocom adquire “piloto automático” para ampliar quantidade e qualidade da produção de açúcar

Gerri Vissapa, gerente de comunicação e imagem da Biocom, anunciou esta Terça-feira que a empresa adquiriu o “piloto automático” este ano, esclarecendo que esse mecanismo permitiu uma maior eficácia no cultivo da cana-de-açúcar.

:

"Este ano, a nossa aposta foi em adquirir o piloto automático que acoplado a uma colhedora ou um plantador, aumenta a quantidade e qualidade de produção", explicou Gerri Vissapa, citado pelo Jornal de Angola.

Atingindo na colheita deste ano cerca de 120 mil toneladas de açúcar, a empresa estima, com este investimento, chegar às 130 mil toneladas no próximo ano, realçou o responsável.

Ao falar à margem da 36.ª edição da Feira Internacional de Luanda, o responsável esclareceu que o "piloto automático" recolhe sinais via satélite e através de sensores de direcção percorre itinerários já previamente definidos no computador, escreve o Jornal de Angola.

Aproveitou ainda para indicar que, apesar dos obstáculos causados pela pandemia, a Biocom conseguiu manter os níveis de produção de açúcar, etanol e álcool, acrescentando que a empresa alcançou os objectivos traçados para o actual exercício económico.

Contudo, Gerri Vassapa explicou que para isso foi preciso fazer ajustar à realidade do mercado: "Tivemos que nos ajustar à realidade do mercado, sem perder o foco, mantendo os níveis de produção, o que pode contribuir para que a empresa atendesse às necessidades do mercado, já que o açúcar é um dos produtos mais consumidos e que contribui para a dieta alimentar".

Relacionado