Ver Angola

Saúde

Sílvia Lucutuca admite possível administração da terceira dose da vacina contra a covid-19

Os profissionais de saúde que se encontram na linha da frente do combate à covid-19 poderão, no próximo ano, vir a receber uma terceira dose da vacina, admitiu a ministra da Saúde, Sílvia Lutucuta.

:

"Nós estamos é muito preocupados com os nossos profissionais de saúde da linha da frente, aqueles que trabalham mesmo nas áreas de covid. A este grupo, que não é um grupo muito grande, nós já estamos a avaliar a possibilidade de fazer uma terceira dose", afirmou.

A responsável esclareceu que a intenção de avançar com mais uma dose da vacina se prende com o facto de as novas vagas da doença terem um carácter mais letal na sua transmissão, escreve a Angop.

Ao falar no espaço grande entrevista da TPA e citada pela Rádio Nacional de Angola (RNA), a titular da pasta da Saúde fez saber que apesar da imunização dos profissionais de saúde com uma terceira dose, a administração da segunda dose da vacina à população continua a ser a prioridade.

"Queremos ainda dar a oportunidade a mais pessoas de ter pelo menos as duas doses feitas, ter a possibilidade de ter a imunidade plena", afirmou, acrescentando que depois também vão "pensar em terceiras doses, mas em grupos muito específicos".

 

Relacionado