Ver Angola

Matérias Primas

Grupo Endiama vai ter produção própria

O Grupo Endiama está, pela primeira vez após vários anos a operar, a trabalhar no desenvolvimento de dois projectos mineiros de prospecção de diamantes com vista a ter uma produção própria.

:

Em causa estão as concessões mineiras em Sangamina e Luachimba, na Lunda Norte. É nestes dois projectos que a Endiama Mining, pertencente ao Grupo Endiama, está a explorar diamantes.

Fontes da empresa estatal adiantaram ao Expansão que estas iniciativas poderão vir a transformar a Endiama numa empresa mais rentável.

Endiama Mining só opera 6,5 por cento do total de licenças de prospecção

Apenas duas das 31 licenças concedidas pela empresa nos últimos dois anos, são operadas na totalidade pela Endiama. Feitas as contas, apenas 6,5 por cento do total de licenças cedidas é operado na sua totalidade pela empresa estatal.

Segundo escreve o Expansão, nas restantes 29 licenças a Endiama só tem participações.

De acordo com os dados citados pelo mesmo jornal, 25 licenças dizem respeito a depósitos secundários e as restantes seis estão ligadas a projectos mineiros primários.

Geograficamente, a Lunda Norte é a província líder em termos de projectos, com 16 reservas em prospecção. Em segundo lugar surge a província da Lunda Sul.

Destacam-se ainda as províncias do Moxico, Malanje e Cuanza Sul.