Ver Angola

Saúde

INIS volta a activar serviço de testagem à covid-19. Número de testes diários aumenta para 600

O país vai voltar a aumentar a sua capacidade de testagem à covid-19. O Instituto Nacional de Investigação em Saúde (INIS) é reactivado esta Terça-feira, elevando a média de testes diários feitos em Angola para 600.

:

Segundo explicou a ministra da Saúde, Sílvia Lutucuta, citada pela Angop, depois de dois funcionários do INIS terem testado positivo à covid-19, o número médio diário de testes baixou para 400.

O instituto foi desinfectado e volta a abrir portas esta Terça-feira, reforçando novamente a realização de testes.

Além do INIS, também os laboratórios do Instituto Nacional de Luta Contra a Sida, do Hospital Militar e do Hospital Esperança estão a realizar testes, sendo que cada um consegue processar cerca de 180 amostras por dia.

Sílvia Lutucuta aproveitou ainda para pedir à população para que continue a cumprir as medidas de prevenção e protecção.

A titular da pasta da Saúde falou ainda sobre os voos: "Neste momento, só serão realizados voos humanitários, priorizando os países vizinhos, sendo que, depois da Zâmbia, se segue a África do Sul e a Turquia, regiões que albergam grupos pequenos e vulneráveis".