Ver Angola

Desporto

China assegura vacinas à comitiva angolana que vai participar nos Jogos Olímpicos e Paralímpicos

A China vai fornecer vacinas à comitiva angolana que vai participar nos Jogos Olímpicos e Paralímpicos de Inverno, em Pequim. A garantia foi dada por Gong Tao, embaixador da China em Angola.

:

O tema foi abordado durante uma reunião entre o embaixador e os presidentes do Comité Olímpico Angola, Gustavo da Conceição, e do Comité Paralímpico Angolano, Leonel da Rocha Pinto.

"Falámos sobre o assunto de como a China poderia ajudar Angola na vacinação aos atletas angolanos", revelou Gong Tao, em declarações à Rádio Nacional de Angola.

O embaixador explicou que poderá ser administrada a vacina chinesa à comitiva angolana, permitindo assim aos atletas angolanos "participar nos próximos Jogos Olímpicos de Tóquio, que se estão a aproximar".

Falando sobre os Jogos Olímpicos e Paralímpicos de Inverno em Pequim, capital da China, o embaixador considerou que os jogos são "uma boa ocasião para os dois países aprofundarem ainda mais o conhecimento sobre um para outro e também é uma boa ocasião para trocar opiniões, aprofundar cooperações na área do desporto, na área dos jogos olímpicos".

Referindo-se ao surto da pandemia de covid-19, o responsável reconheceu que o mundo vive uma "fase difícil".

"Nós combinámos que a China e Angola vão continuar a fazer os reforços para conseguirmos ter um maior controlo e prevenção da covid-19" e assim "garantir a presença ou sucesso da realização dos Jogos Olímpicos" em Pequim, indicou.

No encontro, os responsáveis chegaram ao consenso de que vão "manter contactos constantemente para estes temas", completou.