Centro de Luanda volta este ano a ter cinema através de novo centro comercial

O centro da cidade de Luanda vai voltar a contar este ano com salas para cinema comercial, com 990 lugares a disponibilizar no novo centro comercial construído na baixa da capital, disse à Lusa o grupo promotor do investimento.
:
  

Em causa estão três salas de cinema que abrem portas no novo "Shopping Fortaleza", em fase final de acabamentos e cuja construção foi adjudicada em 2011 ao consórcio Soares da Costa/Grinner, na altura por 62,7 milhões de dólares.

Os cinemas Avis, Miramar, África, Restauração ou São Paulo são algumas das salas construídas no centro de Luanda durante o período colonial, mas que progressivamente foram abandonados ou desactivados, após 1975.

A capital ficou com salas de cinema comercial exclusivamente em centros comerciais dos arredores de Luanda, nomeadamente no município de Belas.

Em construção junto à marginal de Luanda, precisamente ao lado da secular Fortaleza de São Miguel, a primeira fortificação a ser erguida em Luanda, no século XVI, o "Shopping Fortaleza" está concluído a 96 por cento e a previsão para abertura, indicaram à Lusa os promotores do investimento, aponta para o início do segundo semestre deste ano.

"Faltando nesta fase alguns trabalhos de acabamentos, que estão a ser realizados em função do tipo de loja para cada um dos 80 espaços inicialmente previstos. E do total de lojas, 65 por cento já está ocupada com marcas nacionais e internacionais", assegura o grupo Sopros, responsável pelo projecto, em informação enviada à Lusa.

Segundo a empresa, profissionais portugueses estão envolvidos neste projecto, "além da consultoria", participando igualmente na comercialização dos espaços e preparação do centro comercial para a sua inauguração, "facto que está a contribuir para o interesse na entrada das maiores marcas internacionais no mercado angolano".

Com cinco pisos e 473 lugares de estacionamento automóvel, os promotores afirmam ser o "primeiro shopping de segmento alto" construído em Luanda, destacando a instalação, naquele espaço comercial, do Hard Rock Café, entre outras marcas internacionais.

A empresa acrescenta que este projecto conta com a participação da primeira empresa angolana de gestão de shoppings, criada por uma cidadã portuguesa, Solange Rocha, cor responsável pela estreia em Angola, neste centro comercial, dessas marcas internacionais.

Mais Lidas