Polícia mata zungueira em Luanda e causa tumulto

A morte de uma mulher zungueira, vendedora de rua, supostamente por um polícia, causou Terça-feira, em Luanda, tumultos que as autoridades policiais já controlaram.
:
  

O porta-voz do comando provincial de Luanda da Polícia Nacional, Mateus Rodrigues, disse ainda que prosseguem os esforços para a manutenção da ordem.

Mateus Rodrigues admitiu a possibilidade de haver mais vítimas, de acordo com relatos da população, que apontam para três mortes.

"Não podemos confirmar nem negar, a situação é de tal maneira hostil que pode levar a isso. A multidão está a agir de forma muito violenta, está a confrontar violentamente as nossas forças e é possível que situações do género possam ocorrer", disse.

O responsável do comando provincial avançou que um dispositivo da Polícia de Intervenção Rápida está a reforçar a Unidade Operativa de Luanda no local.

De acordo com Mateus Rodrigues, são ainda informações preliminares, salientando que a polícia continua no local e a situação a ocorrer.

A polícia apelou à calma face à situação que, durante a tarde de Segunda-feira, começou a ser partilhada nas redes sociais, com fotografias e vídeos, que mostravam contentores de lixos incendiados, viaturas com vidros partidos e um número elevado de pessoas no local.

Mais Lidas