Ver Angola

Imobiliário

Camama vai ter novo empreendimento habitacional. Construção de residências cria 300 empregos

A capital vai receber, este ano, um novo projecto habitacional. Designado “Nobreza Residencial”, o empreendimento vai ser instalado no bairro Camama, município do Talatona, e será composto por mais de 300 residências de tipologias diferentes.

:

Hermenegildo Domingos, director do projecto, revelou que o "Nobreza Residencial" vai demorar até cerca de um ano a ser construído.

"O projecto será erguido num horizonte temporal que vai de seis meses a um ano. Vai ter 365 moradias, entre vivendas do tipo V3 e V4 e apartamentos T3 e T4", revelou, citado pela Angop.

De acordo com Hermenegildo Domingos, os imóveis podem ser comprados a prestações, através do modelo de renda resolúvel, num espaço temporal de até seis anos.

Quem estiver interessado em adquirir as residências terá de entrar com, pelo menos, 20 milhões de kwanzas. Segundo o director do projecto, metade do valor do imóvel é pago na altura da assinatura do contrato, como símbolo de compromisso entre o vendedor e o comprador.

Os compradores terão seis anos para pagar o imóvel. O pagamento pode ser feito através de um crédito bancário, por conta própria ou por outras modalidades definidas pela Lausar, a construtora responsável pelo empreendimento.

Orçado em cerca de 10 mil milhões de dólares, este empreendimento é o projecto mais ambicioso que a Lausar tem em mãos.

Estima-se que numa fase inicial o empreendimento gere cerca de 300 postos de trabalho directos.