Ver Angola

Energia

Eni ganha nova licença para exploração de petróleo na província do Namibe

A Agência Nacional de Petróleo, Gás e Biocombustíveis (ANPG) decidiu atribuir 60 por cento da licença de exploração e produção do Bloco 28 à petrolífera italiana Eni, no âmbito da sua primeira Ronda de Licitação Internacional.

:

Segundo um comunicado de imprensa da Eni, enviado esta Sexta-feira à Lusa em Luanda, a atribuição dos direitos de exploração do Bloco 28, na província do Namibe, resulta da ronda de licitações competitiva que ocorreu em 2019.

A petrolífera italiana, com 60 por cento de participação, será a operadora da licença, localizada em "águas profundas na inexplorada" Bacia do Namibe, sendo que o grupo empreiteiro incluíra a Sonangol com 20 por cento, enquanto a restante percentagem será atribuída a "um terceiro durante o fecho do contrato".

De acordo com a Eni, que produz actualmente em Angola cerca de 145.000 barris de petróleo por dia, a atribuição do Bloco 28 consta do programa de licitações da ANPG para o período 2019-2025.

A Eni está presente em Angola desde 1980 e a atribuição desta nova licença permitirá à petrolífera italiana "consolidar ainda mais a sua presença de longo prazo no país".