Ver Angola

Defesa

Dois jovens morrem durante testes de ingresso para Academia Militar do Exército

Na semana passada, dois recrutas com 21 e 18 anos de idade morreram enquanto estavam a realizar os testes de ingresso para a Academia Militar do Exército (AMEX) no Lobito. Fundada a 9 de Setembro de 2009, esta é a primeira vez que a AMEX, no Lobito, vive uma situação tão grave.

:

Segundo o porta-voz do Hospital Geral do Lobito, Alberto Sakessongo, citado pela agência Angop, os dois jovens morreram depois de terem sofrido uma paragem cardiorrespiratória.

No dia 21 de Janeiro, o recruta de 21 anos sentiu-se mal enquanto estava a fazer uma prova de resistência física. O jovem foi assistido no local, no entanto, acabou por morrer quando estava a ser levado para o hospital.

Quatro dias depois, a 25 de Janeiro, o mesmo aconteceu ao recruta de 18 anos. Depois de ter estado a fazer uma prova física ao sol, começou a sentir-se mal, tendo de ser socorrido e levado para o hospital. O jovem, que também se encontrava em paragem cardiorrespiratória, foi submetido a manobras de reanimação na unidade hospitalar, mas acabou por não resistir.

Alberto Sakessongo lamentou o sucedido e revelou que vão ser realizadas autópsias aos corpos para se determinarem as causas da morte.

A Angop contactou fonte da AMEX, mas esta não quis comentar a situação, afirmando que será emitido um comunicado oficial depois de conhecidos os resultados das autópsias. Apesar da situação, as provas de ingresso continuam a decorrer, adianta a agência.