Ver Angola

Comércio

Mayor: Angola é o primeiro país a conhecer a única máquina de café totalmente portuguesa

É em Campo Maior, vila portuguesa na região do Alentejo, que o Grupo Delta Cafés volta a revolucionar o sector que lidera há décadas. A razão chama-se Mayor e é não só a primeira máquina de café profissional da marca mas também a primeira produzida totalmente em Portugal. Angola é o primeiro país a conhecer esta inovação – através do grupo Angonabeiro – sendo que já na próxima semana, a Mayor vai chegar a hotéis, restaurantes e cafés angolanos, onde quer mostrar a verdadeira qualidade do café português.

:

Um dos desejos mais antigos do grupo, o projecto começou a ser pensado em 2010, como forma de substituir a importação de máquinas de Itália. “A experiência acumulada pelo Grupo Nabeiro permitiu tomar a decisão de construir uma máquina profissional própria”, explicou ao VerAngola José Beato, director-geral da Angonabeiro.

O investimento supera o milhão de dólares e faz nascer ainda a casa da Mayor: a Tecnidelta II. O novo espaço compreende uma área total de mais de 1700 metros quadrados e permitirá a produção anual de 4200 máquinas, destinadas ao mercado português e internacional. Para além de Angola, países onde o grupo está presente como França ou Luxemburgo conhecerão também esta novidade made in Portugal.

“A aposta em inovação contínua a ser um estímulo para o grupo. Este investimento, uma vez mais, reforça o nosso compromisso com o futuro, ao mesmo tempo que ajudamos a estimular a economia. Pela primeira vez temos uma máquina 100 por cento desenvolvida e assemblada em Campo Maior, e que estará disponível para todos os nossos clientes”, sublinhou em comunicado Rui Nabeiro, fundador da marca e presidente do grupo.

A Mayor chega a Angola num misto de “necessidade e disponibilidade”, explica José Beato, acrescentando que, “mesmo antes de Portugal, Angola foi o primeiro país a poder testar esta máquina há cerca de três meses, através de alguns clientes em hotéis, restaurantes e cafés (...) fizemos os testes finais e lançamos algumas das primeiras marcas no mercado”. O responsável faz notar ainda a importância de uma máquina “100 por cento lusa” em Angola, destacando o café “excelente” que se propõe dar a conhecer aos angolanos.

Para 2015 o grupo está determinado em lançar novos modelos de máquinas profissionais de café, sendo que técnicos da Delta já perspectivam os pares da Mayor. O Grupo Delta Cafés é lider no seu segmento em Portugal, Angola e Moçambique, onde conta com mais de meio século de história. Está presente em mais de 35 países espalhados pelos cinco continentes, nomeadamente em Angola, através da Angonabeiro, empresa que faz parte do universido de empresas do grupo e actua no país desde 2000.