Ver Angola

Energia

Última das seis turbinas de Laúca começa a comercializar energia esta Quarta-feira

A partir desta Quarta-feira, dia 16 de Dezembro, a Central Principal do Aproveitamento Hidroeléctrico de Laúca vai passar a funcionar por completo: a última turbina da central, que tem uma capacidade unitária de 334 megawatts (MW), vai entrar em serviço comercial.

:

O Gabinete de Aproveitamento de Médio Kwanza (GAMEK), em comunicado citado pela Angop, explicou que este procedimento assinala o aumento da capacidade de produção de electricidade no âmbito da estratégia do Governo.

A iniciação do serviço comercial da última das seis turbinas que compõem a central vai ajudar a criar condições para melhorar os indicadores económicos e o nível de vida dos cidadãos, podendo ainda ser possível integrar esta central na Rede Nacional de Electricidade Nacional.

A nota dá ainda conta de que a Barragem Hidroeléctrica de Laúca, que começou a ser construída em 2013, representa uma das principais obras hidroeléctricas construídas nos últimos dez anos em África, ficando apenas atrás do Aproveitamento Hidroeléctrico da Grande Barragem do Renascimento Etíope.

O Aproveitamento Hidroeléctrico de Laúca é composto por uma Central Principal e por uma Central Ecológica. A Central Principal é composta por seis turbinas, cada uma com capacidade para gerar 334 MW, perfazendo uma potência total de 2004 MW. Já a Central Ecológica tem uma turbina com capacidade para gerar 67 MW.

Além das centrais, a barragem também criou um lago artificial que adiciona valor ao projecto.

Relacionado