Ver Angola

Matérias Primas

Descobertos oito diamantes raros na mina do Lulo

A mina do Lulo, situada na província da Lunda Norte, voltou a dar frutos. Desta vez foram encontrados 13 diamantes, dos quais oito são raros.

:

Num comunicado publicado no seu site oficial, a australiana Lucapa Diamond Company revela que esta amostra "representa o maior número de diamantes recuperados de qualquer amostra de kimberlito na área de Canguige até agora".

Adianta que os 13 diamantes têm um peso total de 4,15 quilates e que, do total de pedras descobertas, oito são definidas como raras por serem definidas como 'Type IIa'.

A empresa considerou que esta descoberta se traduz num "resultado significativo", uma vez que os diamantes do 'Type IIa' "formam menos de dois por cento da produção global de diamantes em bruto naturais", sendo "procurados por causa da sua cor, qualidade e tamanho".

De acordo com a nota, a maior gema recuperada "foi um diamante branco de 0,93 quilates" e o maior diamante de tipologia 'Type IIa' recuperado pesa 0,59 quilates.

Stephen Wetherall, director executivo da empresa, considerou que "este é um resultado particularmente importante".

Recorde-se que o maior diamante produzido no país teve origem nesta mina. Com 404 quilates, a pedra foi descoberta em 2016, tendo, posteriormente sido vendida por 16 milhões de dólares.

A mina é operada pela sociedade mineira do Lulo, formada pela Endiama, a empresa australiana Lucapa Diamond e a Rosa e Pétalas.

Relacionado