Ver Angola

Turismo

Organização Mundial do Turismo garante 20 bolsas de estudo para quadros angolanos da área

A Organização Mundial do Turismo (OMT), organismo sediado em Madrid e que João Lourenço visitou durante a sua passagem pela capital espanhola, ofereceu 20 bolsas de estudo a quadros angolanos ligados ao sector.

:

A informação foi confirmada por Téte António, ministro das Relações Exteriores, no rescaldo da visita do Presidente João Lourenço a Espanha. De acordo com o chefe da diplomacia nacional, a atribuição destas bolsas será importante para o desenvolvimento do sector turístico em Angola.

Segundo o ministro, citado pela Angop, o país tem ambições no turismo "que passam, com certeza, pela formação de quadros".

João Lourenço visitou a sede da OMT, onde recebeu garantias de apoio para o desenvolvimento e promoção do sector no país. "Temos grandes potencialidades turísticas adormecidas, que precisam do vosso contributo para fazer, também, de Angola, um importante destino turístico mundial", afirmou o Presidente da República.

Referindo-se ao turismo como um dos sectores mais afectados pela pandemia de covid-19, o chefe de Estado apelou a um investimento espanhol no sector, com especial destaque na formação de jovens desempregados. "O Turismo é dos sectores que mais emprego proporciona aos cidadãos", enfatizou.

Já o secretário-geral da OMT mostrou-se satisfeito pela presença do Presidente nas instalações, garantindo financiamento, recursos humanos e investidores, para promover o turismo em todo o território angolano.

Zurab Pololikashvili prometeu trabalhar com as autoridades angolanas ligadas ao sector de forma a encontrar as melhores estratégias para explorar todas as potencialidades turísticas do país.

Recorde-se que a Organização Mundial do Turismo é – desde 2013 – uma agência especializada das Nações Unidas e a principal organização internacional de âmbito turístico. Da sua agenda fazem parte tópicos como a competitividade, sustentabilidade, redução da pobreza, capacitação, cooperação e orientação para um turismo responsável e sustentável.

É actualmente composta por 159 países, seis membros associados e mais de cinco centenas de membros afiliados.

Relacionado