Ver Angola

Turismo

Sonangol abre concursos públicos para privatizar unidades hoteleiras

No âmbito do Programa de Privatizações (Propriv), a Sonangol abriu concursos públicos para privatizar as suas unidades hoteleiras. Em causa estão os hotéis Suite Maianga, Florença, Rio Mar e Hotel Convenções de Talatona (HCTA).

:

A petrolífera de bandeira refere, num comunicado publicado no seu site, que as unidades hoteleiras vão ser alienadas "na modalidade de cessão do direito de exploração e gestão".

"Os referidos concursos públicos, que contemplam a apresentação de propostas até meados de Outubro de 2021, prevêem a cessão dos direitos de gestão para um prazo de 12 anos, com opção de compra, destinado a investidores nacionais e estrangeiros", avança a nota.

Em causa estão quatro hotéis: HCTA, Suite Maianga, Florença e Rio Mar. O HCTA está localizado numa das "zonas mais nobres" da capital, sendo composto por quartos modernos, "incluindo suites júnior, suites de luxo e uma esplendorosa suite presidencial".

O Suite Maianga está situado "numa das principais artérias de Luanda", ficando próximo do Aeroporto Internacional 4 de Fevereiro. É "composto por quartos superiormente equipados, para uma estadia confortável, e um terraço que proporciona um cenário panorâmico único da urbe luandense", adianta a nota.

Por sua vez, o Hotel Florença fica "nas proximidades da principal praça financeira de Luanda, de frente ao Belas Shopping e Shopping Avenida" e "apresenta sumptuosos quartos e excelentes comodidades hoteleiras".

Por fim, o Rio Mar é situado em Benguela, no sul do país, junto ao Aeroporto Internacional da Catumbela. "Possui uma esplendorosa vista e, nos ângulos correctos, permite ver o mar e a vasta planície terrestre do solo das acácias rubras", conclui a nota.

Relacionado