Ver Angola

Transportes

Corredor do Lobito volta a crescer: comboio expresso prepara rota para o Luau

O chamado ‘Corredor do Lobito’ pode agora vir a estender-se até ao município fronteiriço do Luau, uma forma de descongestionar o fluxo de passageiros nas estações ferroviárias.

:

Esta extensão está a ser estudada pelo Governo Provincial do Moxico, em parceria com o Conselho de Administração do Caminho-de-Ferro de Benguela (CFB). O alargamento do ramal do comboio expresso terá como objectivo o aumento da capacidade de transporte de pessoas e bens, garantindo maior qualidade e conforto nas viagens até ao Luau, município que alberga a última estação do Caminho-de-Ferro de Benguela.

Recorde-se que a 27 de Julho foi implementada a ligação Lobito-Luena através de comboio expresso, com duas frequências semanais. Este comboio possui oito carruagens do tipo camarote, com capacidade para albergar 144 passageiros, refere a Angop.

Após reunião entre Gonçalves Muandumba, governador do Moxico, e António Cabral, presidente do Conselho de Administração do CFB, que decorreu esta Terça-feira, o PCA adiantou à imprensa que a medida vai vai desafogar as estações, permitindo maior e melhor mobilidade da população.

"A província do Moxico é a que regista maior número de passageiros, tendo em conta o mau estado das vias de comunicação e por receber passageiros provenientes da Lunda Sul, Lunda Norte e da vizinha RDC, razão pela qual há necessidade do aumento de frequências do comboio de carga", afirmou o responsável.

Segundo o governo provincial do Moxico, outra das novidades discutidas na reunião passa pela introdução do comboio 'Recurreiro' - um comboio com mais vagões para dinamizar o transporte de mercadorias, especialmente produtos agrícolas e seus comerciantes, reduzindo substancialmente as enchentes.

Gonçalves Muandumba destacou ainda a necessidade de construção de um porto aduaneiro no Luau, bem como de pontes ao longo da Estrada Nacional 250, que liga Luau-Alto Zambeze, numa distância 519 quilómetros.