Ver Angola

Transportes

Apesar da inflação, preços dos transportes públicos não vão ser alterados

Os preços dos transportes públicos não vão sofrer alterações. Numa nota, o Governo adianta que vai continuar a subvencionar o preço dos transportes públicos e os vai manter, "apesar da inflação e da desvalorização da moeda nacional nos últimos anos".

:

"O Executivo vai continuar a subvencionar o preço dos transportes públicos e mantê-los, apesar da inflação e da desvalorização da moeda nacional nos últimos anos", pode ler-se num comunicado publicado no Facebook do Governo.

Segundo o ministro dos Transportes, Ricardo de Abreu, as tarifas dos transportes públicos vão manter-se durante os próximos tempos.

"Não se irão alterar as tarifas dos transportes públicos nos próximos tempos. Portanto, iremos manter a tarifa de 50 kwanzas dos utilizadores dos transportes públicos até que se decida a alteração dessa mesma tarifa", garantiu, citado na nota.

De acordo com o comunicado, com vista a "proteger os operadores dos transportes públicos, que vivem e usam as receitas para financiar os seus custos", o Governo criou um sistema de "compensação por via do preço de referência para o cálculo do subsídio".

O titular da pasta dos transportes aproveitou ainda a ocasião para referir que a frota de autocarros da capital será reforçada, anunciando o aumento de 436 novos autocarros que se juntarão aos 314 já existentes, no âmbito do processo gradual de alargamento da frota.

"Temos já um número bastante significativo desses autocarros que foram distribuídos. O importante é assegurarmos que eles estejam efectivamente à disposição da população", disse.

A medida foi aprovada esta Segunda-feira pela Comissão Económica do Conselho de Ministros.

Relacionado