Ver Angola

Indústria

Grupo Anglobal inaugura instalações industriais no valor de 14,5 milhões de dólares

A empresa de capital angolano Anglobal inaugurou esta Quinta-feira, em Luanda, na Zona Económica especial, a Galvostahl, a sua unidade industrial concebida especificamente para o sector da metalomecânica e galvanização de metais, num investimento global de 14,5 milhões de dólares.

:

Deste investimento, metade foi garantido com capital próprio, sendo que os restantes 50 por cento foram financiados pelo Banco BIC.

Esta unidade de galvanização de aço a quente é única em Angola. A galvanização é um dos processos mais eficientes contra a corrosão e contribui para minimizar os custos elevados que esta acarreta. Pode ser descrita como o processo em que se reveste uma peça de ferro ou de aço com zinco, um metal mais nobre e que evita a corrosão.

"A autonomia na produção vai permitir-nos aumentar a capacidade de resposta na construção de torres de telecomunicações e transporte de energia de alta, media e baixa tensão", refere Victor Lima, PCA do Grupo, em comunicado remetido ao VerAngola.

Do ponto de vista económico e social, a Anglobal refere que este investimento representa uma aposta na diversificação, garantindo um investimento nacional em unidades de produção locais.

A empresa diz acreditar nesta indústria e na capacitação local, sendo que com isso contribui para a redução das necessidades de importação deste tipo de materiais, com impacto directo nas necessidades de pagamentos em moeda estrangeira.

A Galvostahl vai empregar numa fase inicial 116 colaboradores, em grande parte funcionários que transitaram da gestão anterior. A empresa emprega actualmente mais de 600 pessoas e já tem planos para um futuro crescimento que pretende contribuir activamente no desenvolvimento socio-económico das diferentes zonas de África, onde opera.

A inauguração foi comemorada ao lado de funcionários, clientes, fornecedores e autoridades do Governo. O evento incluiu uma cerimónia de inauguração e visita à fábrica.

"A abertura da nova fábrica foi possível graças aos nossos clientes e parceiros, que nos proporcionaram novos negócios e que nos exigem esse crescimento, às autoridades do Governo que nos apoiaram, aos nossos fornecedores e, claro, aos nossos orgulhosos colaboradores", afirma Victor Lima. "Estou honrado em me unir à nossa equipa e convidados para celebrar a abertura destas novas instalações de padrão mundial."

Desde que foi fundada, em 2003, a Anglobal tem tido um crescimento sólido em Angola, mas também noutras geografias, nomeadamente em Cabo Verde e Portugal.

Galeria

Relacionado