Ver Angola

Matérias Primas

Projecto Lunhinga estima aumentar produção de diamantes para o dobro ainda este ano

Lunhinga estima, a partir do segundo semestre deste ano, aumentar a sua produção de diamantes para o dobro, revelou Adérito Gaspar, coordenador da comissão instaladora do projecto, que fica situado na comuna de Xá-cassau, no município de Lucapa, na província da Lunda Norte.

:

Está previsto entrar em funcionamento, no segundo semestre deste ano, uma nova central de funcionamento o que, de acordo com Adérito Gaspar, permitirá ao projecto dobrar os seus níveis de produção.

Assim, segundo o responsável, as expectativas apontam para o duplicar dos números: prevê-se que a produção de diamantes passe dos actuais 10 mil para 20 mil quilates de diamantes por mês.

Citado pela Angop, Adérito Gaspar indicou que, a par do aumento da produção, esta nova central vai também gerar novos postos de trabalho. Com o objectivo de reforçar os recursos humanos do projecto (que emprega actualmente 372 pessoas, das quais 19 são expatriados), esta nova central vai possibilitar a contratação de mais de 30 novos jovens.

Adérito Gaspar indicou que o financiamento do projecto vai ser reforçado, visando a melhoria dos equipamentos. Contudo, o responsável não revelou qual será o valor concreto do investimento.

Ana Paula Neto visitou esta Terça-feira a mina para se informar sobre a percentagem de jovens que estão empregados no projecto, que tem uma área de concessão de 325 quilómetros quadrados, que deverão ser explorados num período de cinco anos.

Anualmente, o projecto trata, em média, cerca de 1,4 milhões de toneladas de minério, tendo um aproveitamento de 120 quilates de diamantes por ano.