Ver Angola

Saúde

Tambores passam a lavatórios. Sistema para lavagem das mãos made in Angola chega às ruas

O Project Institute Angola (PMI Angola) – uma organização internacional sem fins lucrativos – decidiu criar um sistema de lavagem de mãos para colocar em vários pontos do país. Para isso, a organização transformou vários tambores em lavatórios. A medida surgiu no âmbito das medidas de prevenção da pandemia da covid-19.

:

Em comunicado enviado ao VerAngola, o PMI explica que esta iniciativa "surgiu da necessidade de se implementarem medidas básicas e urgentes de higiene".

Vão ser distribuídos mais de 90 tambores transformados em pontos de lavagem. Estes vão ser colocados nos sítios onde há uma maior concentração de pessoas: mercados, paragens de autocarros e táxis e ainda nas entradas das unidades hospitalares.

A nota revela ainda que o projecto arrancou no dia 28 de Março, no Kilamba Kiaxi, tendo já sido "colocados diversos sistemas de lavagem das mãos nos distritos do Golfe, Sapú, Palanca e Nova Vida".

"Projectos como este vêem para beneficiar a população, não só neste caso específico da pandemia do coronavírus, mas também para a prevenção e redução das infecções causadas pela transmissão cruzada de outras doenças", considerou Alcides Cabral, presidente da organização.

O responsável fez ainda saber que a "implementação deste projecto só foi possível, graças à colaboração dos nossos voluntários e parceiros", destacando a administração do distrito urbano do Nova Vida, que assegurou "a mão-de-obra especializada e tem sido responsável pela instalação dos sistemas".

Apesar de o projecto já estar em funcionamento, Alcides Cabral referiu que a organização continua a precisar de "doações de tambores, torneiras, lavatórios, ferros, fornecimento de água, lixívia, sabão, álcool-gel e outros detergentes sanitários" para que a iniciativa seja bem-sucedida.