Ver Angola

Turismo

“Cartão do Turista” dá descontos em hotéis e restaurantes a nacionais e estrangeiros

Descontos em serviços de hotelaria, restauração e turismo nas várias províncias de Angola podem vir a ser realidade com a criação de um “Cartão do Turista”, que virá a ser dinamizado em conjunto pelo Instituto de Fomento Turístico e pelo BAI.

Hotel de Convenções de Talatona:

O objectivo é continuar a estratégia de promoção do turismo em Angola, avançou Eugénio Clemente, director do Infotur, ao Rede Angola. O responsável esteve presente num encontro que reuniu parceiros e operadores de serviços ligados ao turismo nacional.

Sem revelar datas, Eugénio Clemente referiu que o cartão permitirá a turistas nacionais e estrangeiros a obtenção de descontos em vários serviços ligados à hotelaria, turismo e restauração. “O nosso grande objectivo com este cartão é incentivar as pessoas a fazerem turismo pelo país. Ganham com isso também os hotéis, os restaurantes, as empresas de rent-a-car e as agências de viagem que poderão ver o número de clientes a aumentar quando o cartão entrar em funcionamento”, afirmou o responsável à mesma publicação.

O “Cartão do Turista” é parte de uma série de actividades a serem desenvolvidas pelo Infotur, cujo principal objectivo é a promoção do turismo em Angola, quer a nível nacional, quer a nível internacional. Por entre as estratégias estão ainda passeios aos parques angolanos, museus, e outros locais de interesse histórico. “Estas acções serão realizadas em diversas formas com vista a dinamizar o mercado turístico e contribuir para o crescimento e a promoção da boa imagem de Angola”.

O Instituto de Fomento Turístico foi criado em 1997 com o objectivo de assumir um papel condutor na estratégia de desenvolvimento do turismo nacional. Só este ano, durante o primeiro trimestre, o Infotur participou em três eventos internacionais em Portugal, Alemanha e Espanha, refere ainda o Rede Angola. Nos próximos meses, o referido Instituto, vai mostrar Angola nas feiras de Cuba, África do Sul e Moçambique.