Ver Angola

Matérias Primas

Diamantes: receitas cresceram 6,2 por cento no período 2018-2019

A receita bruta do sector diamantífero alcançou os 1.290 milhões de dólares no período 2018-2019, um aumento de cerca de 6,2 por cento face ao exercício anterior, noticiou na Sexta-feira a agência noticiosa Angop.

:

De acordo com uma nota, a empresa diamantífera estatal Sociedade de Comercialização de Diamantes de Angola (Sodiam) justificou o crescimento da receita com uma nova política de comercialização de diamantes, através da qual se eliminou o estatuto de cliente preferencial e se adoptaram novas modalidades de venda destas pedras preciosas.

No exercício anterior, relativo a 2017-2018, a Sodiam registou uma receita bruta de 1.220 mil milhões de dólares.

Segundo a nota citada pela Angop, o novo sistema de comercialização possibilitou "diversas melhorias no sector", incluindo "o registo de mais de 120 empresas na carteira de clientes da Sodiam" e a abertura de três novas fábricas de lapidação.

A implementação, pelo Governo, de novas formas de venda de diamantes, permite que os principais intervenientes - produtor, Sodiam e avaliador independente - definam o preço base de referência de uma forma prévia.

Nesse sentido, na Quinta-feira, o Ministério dos Recursos Naturais e Petróleos anunciou a abertura de um concurso público para a contratação de três avaliadores independentes, de forma a determinar o preço base de venda destes cristais num formato que possibilita a venda de diamantes a um preço regulado.

Relacionado