Ver Angola

Defesa

Angolanas detidas com 138 mil euros na Namíbia presentes a tribunal na Sexta-feira

Três angolanas detidas em Dezembro do ano passado num aeroporto da Namíbia enquanto tentavam sair do país com cerca de 138 mil euros vão ser presentes a tribunal na Sexta-feira, de acordo com a imprensa namibiana.

:

As três mulheres, com idades compreendidas entre os 35 e os 47 anos foram detidas a 4 Dezembro no Aeroporto Internacional Hosea Kutako, na Namíbia, quando se dirigiam para a China na posse de 150.190 dólares norte-americanos, 6250 euros e 4083 dólares namibianos, totalizando 138,5 mil euros.

De acordo com o portal namibiano New Era Live, as três mulheres serão presentes a tribunal na Sexta-feira, dia 13 de Março.

As suspeitas foram acusadas de exportação de divisas e de dissimular a origem ilícita de bens, tendo-se declarado não culpadas.

Segundo o responsável pelas investigações, Erwin Serogwe, as suspeitas não declararam os fundos que transportavam, algo que levou as autoridades a desconfiar que seriam oriundos de actividades ilícitas.

Serogwe acrescentou que as três angolanas foram apenas revistadas porque um gancho utilizado por uma delas fez disparar os 'scanners' do aeroporto.

Isto levou os serviços de imigração a revistarem as três mulheres, tendo encontrado o dinheiro escondido em soutiens, fraldas que estavam a utilizar, nas solas dos sapatos, tendo também sido encontrado dinheiro em malas escondidas dentro das suas bagagens.

Em Janeiro, as três angolanas viram rejeitado o seu pedido para a libertação sob fiança, após não terem apresentado documentos que justificassem o transporte e a legitimidade das divisas que levavam.