Ver Angola

Lazer

Segunda gala ‘Estrelas ao Palco’ desafiou concorrentes a saírem da sua zona de conforto

A edição vencedores do ‘Estrelas ao Palco’ continua a surpreender, não só pelas performances dos concorrentes mas também pelas adaptações do programa. A última gala, realizada este Sábado, e que que o país viu através do ZAP Viva, confirmou isso mesmo.

:

Habitualmente acostumados a imitarem um único artista, os 12 candidatos foram testados de forma diferente. Ou seja, foram desafiados a imitarem artistas completamente diferentes aos que estavam habituados. Aliás, daqui para frente será assim: os mesmos candidatos a imitarem artistas diferentes em cada gala, explica um comunicado remetido ao VerAngola.

Marcos Txitoco cantou "Ny pense Plus de Tayc", Florêncio Handanga imitou "Fall" de Davido, a talentosa Paciência Bernardo encarnou Rihanna para cantar "Diamonds". Por seu turno, Adriano Tchitacumula deu show com a música "God´s Plan" de Drake. Já Moisés Longo brilhou com "Go crazy" de Chris Brown.

Se estava habituado a ver a Jovem Márcia Geraldo imitar Shakira, na última gala ela transformou-se em Nakamura, interpretando o sucesso "Djadja". Abrão Baptista também abrilhantou a noite, recebendo inclusive muitos elogios do júri. Imitou "Despacito" de Luis Fonsi, enquanto Alice Júlio encantou com a imitação "Downtown" da brasileira Anitta.

Tendo tido como tema sucessos musicais internacionais, a segunda gala 'Estrelas ao Palco' teve ainda a concorrente Amélia Mendes a imitar Laura Pausini com "La Soledade". Ana Jorge cantou "Jerusalema", António Máquina cantou "Felices los 4" e Abias Cativa imitou Ed Sheeran com o sucesso "Thinking out loud".

Uma vez mais, a gala não foi eliminatória. A partir do próximo Sábado, 13 de Fevereiro, serão eliminados os primeiros dois concorrentes da presente edição. Sai do concurso o candidato que receber menos votos. As votações nos concorrentes podem ser feitas através do site www.estrelasaopalco.co.ao ou ligando para os terminais telefónicos dedicados para cada candidato.