Ver Angola

Indústria

Primeira fábrica de sal refinado do país vai ser erguida em Benguela

O anúncio foi feito pelo próprio Presidente da República durante o discurso anual sobre o Estado da Nação. Na mensagem, João Lourenço avançou que Benguela será casa da primeira fábrica de produção de sal refinado do país, um investimento privado de uma empresa nacional.

:

Sem nunca revelar qual a empresa por detrás do projecto, o PR fez saber que de Julho de 2020 a Julho de 2021, a produção de sal foi de 182.631 toneladas, superior às 160.832 toneladas do ano anterior, tendo sido registado um crescimento de 13.5 por cento.

Benguela continua a ser a principal província no que diz respeito à produção de sal, indicou ainda o Presidente da República, referindo que 74 por cento de toda a produção é exportada.

Produção de sal poderá chegar às 500 mil toneladas/ano

Com a entrada em funcionamento de três novas salinas – no prazo de quatro anos – a produção de sal no país poderá atingir um número histórico: 500 mil toneladas anuais.

Os números foram avançados pelo presidente da Associação dos Produtores e Transportadores de Sal de Angola (Aprosal), Tottas Garrido. De acordo com o responsável, o mercado salino conta com uma capacidade estimada em 80 por centro da produção e colecta do produto.

Fez ainda saber que o país tem no momento um stock superior a 20 mil toneladas de sal, produzido desde Maio deste ano.

Já os produtores defendem um ajuste na taxa do IVA (Imposto de Valor Acrescentado), dos actuais 14 por cento para os cinco por cento. Segundo os mesmos, esta seria uma forma de permitir uma maior consolidação e dinamização do mercado.