Ver Angola

Desporto

País vai ter um novo autódromo. Infra-estrutura vai ser construída numa extensão de 41,66 hectares

Vai ser construído, na região de Cabo Ledo, um novo autódromo, que será erguido numa extensão de 41,66 hectares. Nesta Quarta-feira, o presidente da Federação Internacional de Automobilismo (FIA), Jean Todt, procedeu ao lançamento da primeira pedra do futuro autódromo.

: Marcelino Camões/Angop
Marcelino Camões/Angop  

O futuro autódromo vai resultar de uma parceria público-privada: o governo local vai ceder o sítio, água e energia e o financiamento será assegurado por fundos de beneficência de conferências da FIA.

Ramiro Barreira, presidente da Federação Angolana dos Desportos Motorizados (FADM), citado pela Angop, fez ainda saber que empresas estrangeiras e nacionais também vão apoiar o projecto.

Para já ainda não há prazos para o início das obras, mas sabe-se que o futuro empreendimento terá uma dimensão internacional e será incorporado num projecto turístico integrado, que inclui um casino, hotel, resorts, karting e kartódromo.

Além disso, o projecto também contará com uma pista de motocross e autocross bem como parque de estacionamento público.

Jean Todt, que esteve em Angola numa visita de dois dias, afirmou que a instituição prestará apoio técnico na construção da infra-estrutura, escreve a Angop.

Antes de proceder ao lançamento da primeira pedra, realizou uma visita à pista de karting, no estádio 11 de Novembro, à sede da FADM e ao Autódromo de Luanda.