Ver Angola

Defesa

Polícia moçambicana detém angolano e sul-africano por contrafacção de moeda

A polícia moçambicana deteve um cidadão de nacionalidade angolana e um outro de nacionalidade sul-africana por contrafacção de moeda, anunciou o Serviço Nacional de Investigação Criminal (Sernic).

:

"Na posse dos mesmos, foi apreendido um cofre contendo 16.600 dólares todos falsificados", disse Hilário Lole, porta-voz do Sernic, durante uma conferência de imprensa em Maputo.
Segundo Lole, além dos dois homens, de 42 e 54 anos, também faz parte do grupo um moçambicano, que está foragido.

A detenção resulta de investigações sobre a existência de uma quadrilha transnacional de contrafacção de moeda a actuar em Moçambique.

Trata-se de "uma quadrilha composta por cidadãos moçambicanos, angolanos e sul africanos que se dedicam a prática deste tipo legal de crime", acrescentou Hilário Lole.

Na ocasião, o Sernic anunciou ainda a detenção de um grupo de três moçambicanos, entre os quais um agente da polícia, que terá tentado raptar e extorquir um transportador de combustível.

"Sob ameaças e coação física o levaram até uma residência cita no bairro do jardim, [arredores da cidade de Maputo], com a intenção de extorqui-lo valores monetários como forma de garantir a sua liberdade", referiu o porta-voz do Sernic.

De acordo com Hilário Lole, o agente da Polícia da República de Moçambique (PRM) era quem supostamente comandava o grupo.