Ver Angola

Cultura

UNAC e Unitel mostram desejo em firmar parceria para apoiar músicos nacionais

A Unitel e a União Nacional dos Artistas e Compositores (UNAC) pretendem formar uma parceria com vista a apoiar os músicos nacionais. O desejo foi expresso durante uma reunião, que decorreu na passada Quarta-feira, entre as duas entidades.

:

"Assente no apoio à cultura nacional e sua valorização, a Unitel realizou no dia 15 de Setembro um encontro virtual com a Direcção da União Nacional dos Artistas e Compositores – Sociedade de Autores - UNAC-SA, para o estabelecimento de parceria com vista a promoção da música nacional", pode ler-se num comunicado remetido ao VerAngola.

No encontro estiveram presentes o Presidente da UNAC-SA, José Moreno, o Director para a Área dos Direitos de Autor e Conexos, Raúl Manuel, e, da parte da Unitel, o Director de Marketing e Negócios Digitais, Teodoro Fernandes e a Gestora Sénior de Planeamento e Desenho da Direcção de Marketing e Negócios Digitais, Mónica Casqueiro.

Na reunião, "foram levantados pontos convergentes para a definição de um apoio aos artistas angolanos".

Citado na nota, José Moreno indicou que a UNAC, que é representada por mais de 5000 artistas a nível de Direitos de Autor e Conexos, deseja "ver os seus associados colocarem as suas obras à disposição das plataformas da Unitel", como por exemplo o Kissom.

Além disso, a instituição também quer estabelecer com a Unitel "uma relação de parceria que clarifique os direitos autorais dos artistas associados e temos total abertura para negociar", indicou.

A visão de José Moreno vai ao encontro da de Teodoro Fernandes que assegurou que a Unitel está totalmente disponível para apoiar.

Na reunião, Mónica Casqueiro esclareceu sobre os "actuais moldes de elaboração de contratos para o aprovisionamento de conteúdos às plataformas" e garantiu que o processo é "feito na base da transparência com provedores de conteúdos e representantes de músicos, com os quais a Unitel tem contrato".

"Temos contratos com os Content Provider, como: a LS Republicano, Clé ent, Go Edições, Cygnus, entre outros. Na base da transparência e fiabilidade, para que eles possam fazer a distribuição dos conteúdos (músicas) nas nossas plataformas, e no fim de cada mês enviamos os relatórios para com os valores a pagamento. Os Content Provider é que fazem directamente a partilha das receitas com os músicos", explicou.

Teodoro Fernandes acrescentou que os contractos rubricados com os provedores de conteúdos são firmados com a garantia de que "estes poderem ressarcir os direitos de cobrança quando for necessário".

"Poderá haver algum músico que não tem um contrato com o Content Provider, mas tem com a UNAC - SA, por exemplo. A UNAC tem todo o direito de interpelar a Unitel e a Unitel não tem qualquer problema em honrar esse compromisso de pagamento, desde que comprove que o artista é por si representado", avançou.

Além disso, a Unitel também se mostrou disponível para resolver alguns assuntos que possam impedir a parceria.

No fim do encontro, as duas instituições concordaram em fazer uma nova reunião para "cimentar a intenção de parceria".