Ver Angola

Sociedade

Quatro angolanos desaparecidos no mar há sete meses foram parar à Guiné Equatorial

Quatro angolanos que tinham sido dados como mortos, depois do seu desaparecimento, há sete meses, em alto mar, foram dar à República da Guiné Equatorial e já regressaram ao país, noticiou esta Quarta-feira a rádio pública angolana.

:

Os homens da província de Cabinda desapareceram em Novembro de 2019, quando foram prestar socorro a uma embarcação carregada de mercadorias que avariou em alto-mar.

Segundo Celestino Campos, um dos integrantes do grupo, o motor apresentou problemas, o que os fez permanecer 25 dias sem água e comida no mar, antes de chegarem à Guiné Equatorial, no dia 25 de Dezembro do ano passado.

Já Alberto Chocolate, outro dos membros que se encontrava na embarcação, reconheceu que passaram por "momentos difíceis".