Ver Angola

Sociedade

Huíla: pai amputa órgão genital do filho de dois anos ao tentar circuncisão

Um homem amputou o órgão genital do seu filho, de dois anos, ao tentar realizar a circuncisão, no município da Humpata, província da Huíla, informaram esta Quinta-feira as autoridades sanitárias locais.

:

Segundo o médico urologista Raciel Pedangulo, citado pela Angop, a criança foi encaminhada para o hospital central do Lubango, capital da Huíla, onde se encontra internada e inspirando cuidados.

Raciel Pedangulo disse que está a ser preparada uma cirurgia para evitar males maiores, nomeadamente a fibrose da uretra.

"Como é lógico a pele tende a cicatrizar. Começa a fechar a uretra e dificulta o processo de urina da criança, por isso temos de o levar ao bloco operatório", explicou o especialista.

Em Angola, a circuncisão masculina, método de remoção do prepúcio do pénis, é cultural e geralmente efectuada na época fria, contudo, são muitos os acidentes registados nestas operações, a maior parte realizadas fora das unidades sanitárias e sem a segurança necessária.

De acordo com informação disponibilizada pela polícia local, nos últimos dois anos foram detidos seis falsos enfermeiros, que devido a cirurgias mal-sucedidas causaram danos irreparáveis a menores.