Ver Angola

Educação

Quatro universidades angolanas na lista das 200 mais populares de África

Quatro universidades angolanas estão entre as mais populares do continente. Entre as 200 instituições que compõem o ranking encontram-se a Universidade Privada de Angola, a Universidade Católica de Angola, a Universidade Agostinho Neto e a Universidade Óscar Ribas.

:

Os primeiros seis lugares da tabela são ocupados por universidades da África do Sul. As instituições angolanas surgem sensivelmente a meio da tabela: a Universidade Privada de Angola é a mais bem posicionada, surgindo na 70.ª posição. Segue-se a Católica de Angola no 79.º lugar, a Universidade Agostinho Neto ocupa o 98.º lugar e por fim surge a Universidade Óscar Ribas na 117.ª posição.

Eurico Gungula, reitor da Universidade Óscar Ribas disse, citado pelo Expansão, que este reconhecimento é importante porque a instituição tem trabalhado nesse sentido. No entanto, frisou que ainda há muito trabalho a fazer para que o nome da universidade continue a aparecer nos rakings.

"O desafio que o Governo lançou às instituições de ensino superior é ter uma universidade entre as 100 melhores, no entanto, esta classificação é um indicador daquilo que tem sido feito para chegarmos à meta e mostra-nos também que estamos a caminhar bem, para estar entre as melhores universidades", afirmou Eurico Gungula.

De acordo com o Expansão, este ranking avalia a popularidade e visibilidade das universidades africanas na Internet e não a sua qualidade e condições das infra-estruturas. Entre os requisitos de avaliação das 200 universidades que compõem esta tabela classificativa, está o facto de serem reconhecidas oficialmente por organizações ligadas ao ensino superior, o facto de darem cursos no formato tradicional, presencial e à distância e ainda de oferecerem licenciaturas ou bacharelatos de pelo menos quatro anos.