Ver Angola

Cultura

Prodígio entre as vozes africanas que cantam hino solidário contra a covid-19

O rapper Prodígio foi o escolhido para representar Angola no projecto “African Anthem of Solidarity against covid-19”. O artista angolano é uma das várias vozes africanas que deram voz ao hino contra o novo coronavírus chamado “Stand Together”.

:

De acordo com o comunicado, publicado no site One Campaign, o hino foi criado em parceria com a Fundação Nelson Mandela e a MTV Base e contou com a produção do nigeriano Cobhams Asuquo.

O hino, que tem como objectivo arrecadar receitas a favor da fundação, conta com as vozes de 2Baba da Nigéria, Ahmed Soultan de Marrocos, Ben Pol da Tanzânia, Teni da Nigéria, Yemi Alade da Nigéria, Amanda Black da África do Sul, Stanley Enow dos Camarões, Gigi La Mayne da África do Sul, Prodígio de Angola e Betty G da Etiópia.

A música é composta por várias línguas, sendo que o rapper angolano decidiu deixar a marca de Angola neste hino, cantando em português.

"Sinto-me honrado por figurar neste hino de caridade. Tem sido um sonho trabalhar com os outros artistas, One Africa, One, MTV Base e a Fundação Nelson Mandela, levantando juntos as nossas vozes contra o vírus. Sentimos a falta de todos e não podemos esperar até podermos festejar novamente, mas até lá temos de cuidar uns dos outros. Porque ninguém está a salvo até que todos estejam a salvo", afirmou o angolano.

Pode saber mais sobre a iniciativa aqui.