Ver Angola

Cultura

“Para lá dos meus passos” eleito melhor documentário no Arquiteturas Film Festival

Os filmes "Para lá dos meus passos", de Kamy Lara e Paula Agostinho, e "Ar condicionado", de Fradique, estão entre os premiados do Arquiteturas Film Festival, que terminou no Domingo, e teve esta Terça-feira o palmarés anunciado.

:

O prémio de melhor documentário do festival foi atribuído ao filme angolano "Para lá dos meus passos", sobre dança contemporânea em Angola e sobre o processo criativo e a relação de um grupo de bailarinos com o território de Luanda.

"Boys of the edge", de Alexandra Leibmann (Alemanha), venceu o prémio novos talentos, e "Cities (Territories & Occupation)", de Gusztáv Hámos, Katja Pratschke, também da Alemanha, foi eleito o melhor filme experimental.

Destaque ainda para "Ar condicionado", produção angolana de Fradique e Jorge Cohen, eleito a melhor ficção do festival, enquanto o prémio do público foi para o filme romeno "Acasa, my home", de Radu Ciorniciuc.

A oitava edição do Arquiteturas Film Festival decorreu no Cinema São Jorge, em Lisboa, e foi dedicada a Angola, "país onde a história e a sucessão de regimes teve tradução na arquitectura e na memória colectiva", numa escolha com curadoria da jornalista, escritora e produtora Marta Lança, editora da plataforma Buala.

Relacionado