Ver Angola

Ambiente

Adjany Costa reúne nomes ligados ao ambiente para aproximação entre organizações e ministério

A Ministra da Cultura, Turismo e Ambiente, Adjany Costa, auscultou na semana que terminou, em Luanda, organizações não governamentais e projectos ambientais, com o objectivo de recolher contribuições para o fomento e promoção de acções em prol da preservação do meio ambiente.

:

Estiveram presentes 17 organizações - das 23 esperadas - numa sessão de duas horas. Algumas das questões debatidas passaram pela educação ambiental, a caça furtiva (maior expansão e fiscalização das actividades a outros pontos do país) e uma aproximação entre as organizações e o Ministério.

Segundo um comunicado remetido ao VerAngola, as associações de defesa do ambiente apresentaram intenção de realização de acções de educação ambiental nas comunidades, todas elas adaptadas ao contexto e realidade a que o país vive, sendo o recurso às plataformas digitais a estratégia a adoptar.

O “super-ministério” liderado por Adjany Costa refere que, no contexto actual, mais de um milhão de espécies de plantas e de animais estão em perigo de extinção em todo o mundo, pelo que é necessário reforçar as medidas já estabelecidas e continuar a reflectir e a consciencializar as pessoas para uma mudança de atitude, que promova um consumo mais sustentável e acções mais integradas.

O encontro aconteceu igualmente como uma antecâmara do dia 5 de Junho, Dia do Meio Ambiente, onde a titular da pasta pretende envolver os Gabinetes Provinciais do Ambiente, Resíduos Sólidos e Serviços Comunitários na realização de acções em prol da preservação da biodiversidade local. 

A ministra já teve um encontro com operadores do sector turístico (hotelaria e restauração), cultural (artistas, músicos e promotores de eventos), sendo que este último aconteceu com o sector do ambiente.