Ver Angola

Economia

Brasil quer lançar parceria estratégica de investimento com Angola

O Brasil pretende lançar, ainda este ano, uma parceria estratégica de investimento com Angola. De acordo com Rafael Vidal, embaixador brasileiro acreditado em Angola, a parceria será particularmente voltada para os sectores da agricultura, energia e infra-estruturas de Angola.

:

O responsável não indicou um valor específico a ser investido na parceria estratégica, mas aproveitou a ocasião para revelar que o seu país tem disponível uma carteira de investimento, orçada em três milhões de dólares, para utilizar em diversos sectores da economia de Angola.

Falando durante uma conferência sobre agro-indústria, o embaixador admitiu que o potencial agrícola e energético de Angola pode ajudar a aperfeiçoar a agro-indústria, fomentando a competitividade com outros países.

Citado pela Angop, Rafael Vidal reconheceu que os recursos naturais de Angola são um dos motivos que chamam a atenção dos investidores brasileiros.

As reformas económicas levadas a cabo pelo Governo angolano também estimulam os empresários a investir em Angola, admitiu.

O diplomata aproveitou ainda a ocasião para informar que um plano da actividade agrícola no Brasil, que visa a revolução agrícola de Angola, está em fase de aprovação.