Ver Angola

Desporto

Piloto angolano soma pontos na sua estreia no Campeonato do Mundo de Endurance

O piloto angolano Rui Andrade estreou-se, este Domingo, no Campeonato do Mundo de Endurance. De um total de 33 concorrentes, o angolano ficou em 13.º lugar na categoria LMP2 da prova que decorreu no Circuito SPA-Francorchamps, na Bélgica, tendo assim conseguido pontuar na sua primeira corrida no mundial.

:

O piloto de 21 anos afirmou que sofreu alguns problemas técnicos com o seu carro o que provocou algumas perdas de tempo durante a prova.

"Infelizmente nós tivemos muitos problemas técnicos e não deu para conseguir os resultados que queríamos", começou por dizer, citado pela Rádio Nacional de Angola.

O angolano adiantou que durante a primeira meia hora da prova o seu colega de equipa sofreu um "incidente que danificou bastante o carro" e, por isso, perderam "muita performance" no resto da corrida, disse. "Depois tivemos um problema com um dos pneus", o que resultou numa maior "perca dinâmica do carro", completou.

"Não foi uma corrida fácil, o nosso carro não estava em condições para andar à frente, infelizmente, depois de todos os problemas que tivemos", disse.

No entanto, Rui Andrade realçou que o importante foi ter conseguido somar pontos na prova: "Focar nos positivos, conseguimos pontuar na nossa primeira corrida no mundial".

De acordo com a Angop, Rui Andrade é o primeiro angolano a participar num mundial de automobilismo.

Nesta prova, o piloto, que representa a equipa G-Drive Racing, ao volante de um Aurus, fez equipa com John Falb, americano, e John Mehri, antigo piloto espanhol da Fórmula 1.

A corrida seguinte irá realizar-se em Portugal (onde Rui Andrade vive actualmente), no Circuito de Portimão, em Junho.