Suíços financiam Angola com 700 milhões de dólares

O Governo fechou um financiamento de 700 milhões de dólares junto de um banco internacional de origem suíça, para projectos estratégicos, de acordo com uma autorização presidencial a que a Lusa teve acesso.
Fabrice Coffrini:
    Fabrice Coffrini

Em causa está um despacho presidencial, de 14 de Maio, no qual o chefe de Estado, João Lourenço, aprova o acordo de financiamento a celebrar entre a República de Angola, representada pelo Ministério das Finanças, e o banco Credit Suisse, "para cobertura financeira de Projectos Estratégicos", lê-se no documento.

Este financiamento soma-se a um outro, de 500 milhões de dólares, autorizado nos mesmos moldes, por despacho presidencial de 2 de Maio, junto do Agência de Crédito para a Exportação do Reino Unido (UK Export Finance), para projectos inscritos no Programa de Investimento Público (PIP). Em ambos os casos não foram adiantados dados sobre as condições do financiamento.

O Governo está a negociar mais de 16.500 milhões de euros em linhas de financiamento internacionais para projectos no país, a maior parte junto de instituições da China.

É o caso de uma linha de financiamento em negociação com os chineses do ICBC (Banco Industrial e Comercial da China), para projectos de infra-estrutura, avaliados em 11.700 milhões de dólares.

Mais Lidas